Voltar às raízes: a sabedoria do campo

Há cada vez mais pessoas a olhar para o papel, telas e cadernos de colorir para pintar ou desenhar, mas sobretudo para relaxar dos dias mais exigentes e descontrair num mundo excessivamente tecnológico. Se também sente essa vontade criativa, inspire-se nestas linhas para começar.

Há uns anos, parecia que não se falava noutra coisa: livros de pintar para adultos. A atividade típica do pré-escolar estava a conquistar idades mais avançadas graças aos seus efeitos relaxantes. Colorir dentro de linhas apresentava-se como um antídoto aos ecrãs, à velocidade vertiginosa do quotidiano, ao cinzento dos nossos dias.

E se esta moda não lhe chegou, talvez outras ideias semelhantes lhe chamem a atenção. Desenho à vista, pintura a óleo, iniciação à ilustração… As artes visuais estão a recuperar força enquanto hobby. Quando olhamos para os seus benefícios, percebemos porque cativam tanto.

Além de serem divertidas, estimulam a criatividade, um “músculo” que ao ser trabalhado dá frutos em várias áreas, criando agilidade no pensamento e maior capacidade de gerar soluções “fora da caixa”. A esta enorme vantagem, alia-se a capacidade de concentração. Se as exigências multitasking e as várias janelas do servidor arruinaram a sua capacidade de concentração, atividades como estas podem ajudar a restaurá-la.

E até no campo das destrezas físicas se contam os ganhos. Uma melhor motricidade fina pode ser conseguida graças à prática regular do desenho ou da pintura à vista; e a visualização espacial também tem espaço para melhorar quando exercitada.

Finalmente, este género de atividades – pausadas, algo repetitivas – têm um enorme poder de relaxamento de corpo e mente, regularizando a respiração e suavizando os ritmos agitados criados pelo stress.

Com todos estes benefícios, recomendamos vivamente explorar uma arte visual nos seus tempos livres. Quem sabe se não se torna uma paixão? Com a crescente procura, estão a surgir cada vez mais workshops e cursos onde pode fazer crescer as suas capacidades. Afinal, o talento é também uma questão de prática!

Normalmente, pode encontrar informação sobre aulas no site da sua Câmara Municipal e junto das universidades locais. Há também escolas especializadas, como a Arco (arco.pt ) ou o Atelier LX Paint (lxpaint.pt) em Lisboa, ou o Espaço d’Arte Arrisco (arrisco.pt) no Porto. E pode sempre consultar agendas culturais, como a Viral Agenda (viralagenda.com).